Preparação para um Matrimônio Bem Sucedido

Matrimônio é uma parte importante na condução da vida de uma pessoa. Cerca de 90 % das pessoas no mundo estão casadas. A maioria dos jovens diz que querem se casar. Eles querem encontrar sua “alma gêmea” e compartilhar felicidade, realizando a vida juntos.

marriage

Infelizmente, nem todas as esperanças e sonhos se tornam verdade. O matrimônio pode ser muito desafiador. É melhor preparar com antecedência para o matrimônio, enquanto você é jovem. Do contrário, você pode não estar pronto para os desafios. Matrimônio é como uma jornada. Você já ouviu sobre os pioneiros que cruzaram as Grandes Planícies Norte-americanas em carroças cobertas para o Oeste? Matrimônio é como sair em uma jornada com seu parceiro. Pessoas foram à frente de você no caminho, mas somente você terá sua própria e única experiência.  Ao longo do caminho, você passará por muitas dificuldades como também muitas alegrias. Você será mudado pela jornada. Há muitas coisas as quais você terá que se adaptar. Há muitas qualidades de força que você descobrirá dentro de si mesmo, que você nunca soube que tinha.

Como os pioneiros descobriram, há muitas coisas das quais você terá que desistir ao longo do caminho e deixar de lado na estrada durante a jornada. Os pioneiros não puderam cruzar rios e subir colinas com as pesadas mobílias de suas antigas casas no Leste. Você descobrirá que há muitas coisas auto-centradas em seu caráter que são penosas para carregar ao longo da jornada do matrimônio. Você terá que deixá-las para trás.

Como em uma jornada pioneira, estar casado significa estar disposto a pensar, não em termos de mim, mas sobre nós. É trabalho em equipe – os dois trabalhando juntos. Matrimônio é boa prática do amor verdadeiro, porque ele significa sempre levar a outra pessoa em consideração, até ao sacrifício de si mesmo.

Na intimidade da vida conjugal, rudo sobre nós mesmos está exposto para a outra pessoa. Quem nos tornamos até agora está exposto para nosso cônjuge e família todos os dias. Eles gostarão do que estão vendo em nós? Somos pacientes, amáveis, sacrificais, dispostos a trabalhar e ajudar com uma atitude alegre e positiva? Se é assim, teremos matrimônios felizes. Se não, haverá muita discussão. É melhor desenvolver suas virtudes agora, para que você esteja melhor preparado para a jornada do matrimônio.

COMPROMISSO

Uma coisa sobre essa jornada: não há volta. Devemos estar comprometidos no matrimônio.

Sim, sabemos que há divórcio difundido no mundo. As pessoas desistem de resolver os problemas juntas e decidem se separar. Contudo, a maioria das pessoas não encontra seus problemas resolvidos pelo divórcio. Elas ainda estão infelizes, estressadas, e às vezes menos saudáveis do que as pessoas que fazem seus matrimônios funcionarem. A taxa de divórcios para pessoas que se casam uma segunda vez é maior do que a taxa de divórcios para pessoas que se casam pela primeira vez. Divórcio não ensina nada a você sobre ser um melhor parceiro de matrimônio; e trocar parceiros por uma nova pessoa (e espera-se melhor) não parece estar funcionando.

Em contraste, pessoas que estão com seus matrimônios freqüentemente funcionando apesar de suas dificuldades, estão se tornando mais felizes juntos enquanto os anos passam. Este é o motivo pelo qual compromisso é tão importante. Ao longo do caminho, pode haver lindas cachoeiras, ricas florestas, e céu azul e limpo. Desistir logo e tão facilmente – não fazer e manter o compromisso de matrimônio – significa que você pode evitar as coisas maravilhosas à frente.

É útil saber que a maioria dos matrimônios bem sucedidos passa através de três estágios: um primeiro estágio de romance quando tudo é bom e maravilhoso; um segundo estágio de desapontamento e desilusão quando a realidade se apresenta; e um terceiro estágio no qual o casal compromete-se um com o outro novamente, a despeito e todos os problemas e erros. Para seguir através destes estágios com sucesso, as pessoas precisam estar comprometidas para o matrimônio.

No primeiro estágio de um relacionamento, todos tendemos a demonstrar nosso melhor lado. Talvez pela primeira vez eles começarão a sentir coisas negativas sobre seu cônjuge quando vivem juntos o dia-a-dia. Eles começam a pensar que algo está errado com o relacionamento e que talvez não era realmente amor – ou que eles se casaram com a pessoa errada. É neste ponto que muitos casais, especialmente com a liberdade de nosso mundo moderno, decidem se divorciar.

Entretanto, se compreendemos que isto é uma parte normal de um relacionamento em desenvolvimento, podemos aprender a trabalhar através dos problemas de uma maneira mais construtiva. De fato, deveríamos considerar este estágio como uma oportunidade para o relacionamento crescer a um nível mais profundo. Devemos segurar nossos matrimônios, fazendo tudo que podemos para aprimorá-los. Quando passamos através deste estágio comprometidos um com o outro, não importa o que aconteça, experimentaremos um amor profundo que não pode ser trocado por nada e por ninguém. Este amor nos permite ter uma força para amar em âmbito mundial, enquanto educamos nossos filhos, nos tornamos bons vizinhos, colegas de trabalho, amigos, e membros da comunidade.

Bo Lozoff, casado à cerca de trinta anos, diz:

“Começa a iluminar em você, o fato que seu parceiro não tem apenas visto o melhor com o qual ela se apaixonou, mas ela tem visto o pior durante os anos, e ela ainda ama você. Você tem visto o pior nela, e você ainda a ama. Começa a iluminar em nós que matrimônio pode ser uma ferramenta sagrada para nos auxiliar a transcender o amor condicional; para realmente compreendermos o amor em sua totalidade, o qual vê tudo de melhor e pior e diz: ‘Eu tenho visto tudo de você, e eu amo você… ’”

Compromisso no matrimônio é reconhecer o valor de uma união por toda a vida entre um homem e uma mulher. Isto envolve um compromisso para a vida toda para o matrimônio. Na cerimônia de matrimônio, fazemos um compromisso para nosso parceiro, a comunidade e as pessoas amadas que estão nos apoiando e testemunham este compromisso. Nos comprometemos a viver com esta pessoa, não importando o que aconteça: na doença e na saúde, na riqueza e na pobreza. Estamos dispostos a seguir através das experiências de dificuldade sem ir embora ou mesmo ameaçar ir embora. Aceitamos esta pessoa como um cônjuge. Realmente, fazer um compromisso é tudo sobre uma cerimônia de casamento.

Através deste tipo de compromisso, podemos experimentar uma enorme união com nosso cônjuge. Ao invés de rejeitar, se afastar, se fechar, se separar de seu cônjuge, digerimos as experiências e emoções indesejáveis. Sempre trabalhando juntos para mudanças positivas, podemos experimentar um amor mais profundo – onde duas pessoas se tornam unidas como uma unidade em mente, coração e corpo.

FIDELIDADE

Muitas virtudes ou caráter forte contribuem para matrimônios felizes. Quando você desenvolve o lado positivo de seu caráter agora, de fato você está investindo em sua futura felicidade conjugal. Quanto mais honesto, leal, confiável, paciente, altruísta você se torna agora, mais feliz será seu matrimônio.

Entretanto, há uma virtude – fidelidade – que se destaca de todo o restante. Ela é tão importante quanto o compromisso e está relacionado a ele. Fidelidade significa ser fiel sexualmente ao parceiro. Se uma pessoa está em unidade de mente, coração e corpo com seu cônjuge, então é impossível se tornar uma unidade com alguém mais sem romper com o cônjuge. Infidelidade fragmenta um matrimônio. Embora alguns matrimônios tenham sido reparados após uma infidelidade, isto é extremamente difícil de fazer. A maioria dos matrimônios nunca é o mesmo após infidelidade sexual.

O que a maioria das pessoas quem no matrimônio é intimidade – estar extremamente íntimo em todos os níveis com um amado e amoroso parceiro. Jovens dizem que querem uma “alma gêmea”: a pessoa com quem podem estar muito íntimos de uma forma especial para sempre. Isto é intimidade. Contudo, intimidade está baseada em confiança. Você não conta seus mais profundos segredos para alguém que você não confia (se você já teve um amigo espalhando seus segredos por aí, você sabe quanto isto pode magoar).  Você não demonstra seu coração mais carinhoso para alguém que não confia. Você não daria a si mesmo sexualmente para alguém que não valoriza isto o suficiente para conservá-lo sagrado entre vocês dois. Infidelidade rompe a confiança entre um casal, destruindo a intimidade, e destruindo o próprio amor.

Embora compromisso e fidelidade possam não parecer muito romântico, eles são de fato o fundamento do romance. Eles são o solo sobre o qual as flores do romance crescem. Compromisso e fidelidade são os pilares gêmeos do matrimônio – eles sustentam de pé a casa do matrimônio. Enquanto um casal está comprometido e mantém fidelidade para o outro, seu matrimônio tem uma base para o sucesso. Sem compromisso e fidelidade, um matrimônio tem poucas chances de seguir junto através das dificuldades da jornada da vida.

Enquanto você espera por um matrimônio feliz no futuro, pense sobre desenvolver virtudes dentro de si mesmo agora. Você é altruísta? Você é capaz de pensar sobre outra pessoa antes de pensar em si mesmo? Você ama os outros para o benefício deles ou somente pelo que você pode obter deles? Você mantém seus compromissos? Você é leal? Você está em abstinência sexual? Se suas respostas para todas estas questões é sim, você está bem em seu caminho para um futuro matrimônio feliz.

Anúncios

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s