1ª Parte: K batchim e P batchim

Realmente batchim é um assunto não muito simples, mas também não é um monstro de 7 cabeças! 🙂 Vamos rever um pouquinho sobre isso para que os que estiverem em dúvida se esclareçam.

Basicamente, podemos chamar de batchim as consoantes que aparecem no fim de cada “bloquinho” em coreano, ou seja, aquela consoante que ficou sem par de vogal para formar um som “inteiro”.

Nessa frase, os batchims são as consoantes em vermelho:

Existem 7 tipos de batchim:

Tipo do batchim
Consoante
Som
K
/k/
P
/p/
T
,
/t/
NG
/ng/
M
/m/
N
/n/
R
/r/

Como são consoantes que ficaram sem parzinho, elas acabam ou se pareando com a vogal da palavra seguinte ou se modulam com a consoante seguinte.

Porém, nem todas elas têm um som “inteiro” propriamente dito. Vamos ver uma por uma para entender melhor:

K batchim
Consoantes: 

Quando a palavra termina com uma dessas 3 consoantes, o som é um /k/ bem curtinho, sem pronunciar nenhuma vogal junto.

Exemplos:
박 /pak/ (árvore semelhante ao olmeiro)
육 /yuk/ (seis)
 /chaek/ (livro)

Quando o K batchim ㄱ (somente ele) é seguido de uma vogal, o /k/ modula para /g/:

박 /pak/ → 박은 /pa.geun/
 /yuk/ → 육이 /yu.gi/
 /chaek/ → 책이 /chae.gi/

Obs: quando isso acontece com as consoantes ㅋ e ㄲ, não há modulação para /g/. Continua /k/, pois elas são consoantes aspirada e dura, respectivamente.

Quando o K batchim é seguido de qualquer consoante (veja as exceções nas assimilações), ele é pronunciado normalmente:

학생 /hak.saeng/ (aluno)
한국사람 /han.guk.sa.ram (coreano, pessoa coreana)
먹다 /meok.ta/ (comer – infinitivo)
먹지 /meok.chi/ (comer – flexão de negação)

Exceção:
떡볶이 /tteo.ppo.kki/ (espécie de panqueca com vegetais, carnes e vários outros ingredientes)

Repare que a leitura dessa palavra não é /tteok.bokk.i/, mas /tteo.ppo.kki/.
Isso acontece porque o primeiro K batchim (ㄱ) não é pronunciado, mas modulou a consoante ㅂ para um som “duro” (ㅃ), ou seja, ela reforçou a consoante seguinte. O segundo K batchim (ㄲ) continuou com o som /k/ porque é um som “duro” (reforçado naturalmente, já que é formado por dois ㄱ).
Ou seja, seria como se fosse escrito 떠뽀끼.

P batchim
Consoantes: ㅂ, ㅍ

Quando a palavra termina com uma dessas 2 consoantes, o som é um /p/ bem curtinho, sem pronunciar nenhuma vogal junto.

Exemplos:
밥 /pap/ (refeição)
입 /ip/ (boca)
 /ap/ (frente)

Quando o P batchim ㅂ (somente ele) é seguido de uma vogal, o /p/ modula para /b/:

밥 /pap/ → 밥은 /pa.beun/
입 /ip/ → 입이 /i.bi/
 /ap/ → 앞에 /a.phe/

Quando os P batchim ㅂ e ㅍ são seguidos de uma consoante, o /p/ é pronunciadoE reforça essa consoante seguinte:

접시 /cheop.shi/ (prato – o prato em si, não a refeição)
싶다 /ship.tta/ (querer)

Anúncios

3 Comments

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s