Unidade Mente e Corpo

“Tão alto como as montanhas e tão profundo como o oceano,” é uma metáfora utilizada em incontáveis canções e poemas para descrever a afeição de um amante. Esta é uma bela promessa de devoção eterna, comparada com a vastidão, mas ainda mais importante, implicando também a constância e confiabilidade do mundo criado. Para ser tão “fiel como aquelas colinas,” tão “certo como a chuva” e assim por diante para exemplificar a integridade perfeita de todas as coisas no universo, sua unidade de propósito e expressão, caráter e forma. Em termos humanos, isto é harmonia de palavra e ação, mente e corpo — uma precondição necessária para amor verdadeiro e duradouro.

A penetrante dualidade das naturezas interna e externa caracteriza todos os seres. Animais movem seus corpos de acordo com sua mente instintiva. Da mesma forma, as plantas exibem sensibilidade e responsividade ao seu ambiente pela virtude da vida invisível dentro delas. Coisas inanimadas também se comportam de acordo com suas naturezas físico-químicas inerentes. Aristóteles denominou estas duas dimensões de ideia e matéria. A filosofia Indiana chama estas duas dimensões de espírito (purusha) e matéria-energia (prakriti). A natureza interna de um ser dá a ele seu propósito e direção, e comanda sua forma externa. Estas naturezas interna e externa são tão intrinsecamente conectadas, tão inseparáveis — de fato, uma não pode existir sem a outra — que dificilmente as notamos.

Continuar a ler

Anúncios

Vida de Igreja

Vida de Oração

Uma vida de oração é necessária. Você precisa de uma vida de oração. Nossa vida de fé não é uma coisa de tempo parcial. Ela é nosso trabalho principal.

Reuniões

É absolutamente necessário participar em reuniões ou encontros porque é necessário manter equilíbrio. É absolutamente necessário mantê-lo. Portanto, você deve participar em reuniões por todos os meios.

Aprendizado

Você sempre deve aprender espiritualmente. Você precisa de conhecimento e educação. Você não deve ser ignorante. Aqueles que vivem uma vida de fé sempre devem se examinar sobre quanto conhecimento espiritual e físico eles têm. Naturalmente, o conhecimento espiritual deve assumir precedência. Se você vive uma vida de fé, você frequentemente pode receber revelações através de sonhos e de outras formas. Você deve saber isto. Você deve aprender como eles estão relacionados com você e como esses sonhos afetam você. Você deve examiná-los. Os sonhos diferem, dependendo da pessoa.

Continuar a ler

O Verdadeiro Significado do Natal

Feliz Natal! Em mais alguns dias o ano de 2017* terá acabado. Quando outro ano se passa, isto denota que estamos nos tornando um ano mais velhos, e também que estamos muito mais perto do mundo espiritual. Essa poderia ser uma afirmação pessimista, mas de fato o mundo espiritual é nosso destino definitivo, e ele não é um mundo ruim ao se olhar em frente.

Qual é o verdadeiro significado do Natal e porque o celebramos? Isto não é feito para o benefício da América ou para o benefício do mundo. Celebramos o nascimento de Jesus Cristo. A questão central deste dia é que tipo de Natal Jesus teria desejado.

Quem enviou Jesus? Deus o enviou, e Deus tinha uma determinada vontade ao enviar Seu filho. Considerando a situação política naquela parte do mundo naquele tempo, que tipo de Natal Deus teria desejado que as pessoas celebrassem? Quem deveria ter sido a primeira pessoa ou povo a celebrar o nascimento de Jesus? Não o próprio Jesus, certamente, porque ele tinha acabado de nascer. A primeira pessoa a verdadeiramente celebrar deveria ter sido o próprio Deus, que ocasionou o nascimento de Seu filho. Além disso, os anjos e todo o mundo espiritual se juntariam, glorificando e louvando esse grande dia. Entretanto, aqui na terra o nascimento de Jesus foi recebido em silêncio porque apenas algumas pessoas sabiam de sua vinda. Podemos ver que o nascimento de Jesus foi verdadeiramente celebrado no céu, centrando em Deus, mas na terra dificilmente alguma celebração ocorreu.

O mundo cristão honra o Natal através da criação de cenas da natividade de Jesus em uma manjedoura. De fato, uma  manjedoura é um lugar muito humilde. Eles ficam orgulhosos de Jesus ser colocado em uma manjedoura, mas é neste tipo de lugar que o filho de Deus, o Rei dos Reis, deveria nascer? Vocês acham que Deus verdadeiramente desejava que Seu filho nascesse em um estábulo?

Continuar a ler

A Vida é Curta

A vida humana é limitada. Embora possa viver um longo tempo, você não pode viver muito mais do que uma centena de anos.

Vamos dizer que você viveu por cerca de oitenta anos. Se você tira o tempo para o sono, isto é reduzido pela metade para quarenta. Dormir é viver? Dormir é como estar morto. Isto não é assim? Dormir é morrer.

Por esta razão, das vinte e quatro horas, você vive e luta somente metade disto. Então, e se você tira uma hora para comer? Além disso, se você tira o tempo para as festas, celebrações, funerais, e assim por diante, então você realmente viverá ao menos a metade da sua vida? Eu calculei da última vez, e descobri que somente utilizamos sete anos vivendo de verdade. Destes sete anos, quantos dias podem ser contados como dias de vida verdadeira? Há ao menos um único deste dia?

Entretanto, nosso sofrimento não dura mais do que oitenta ou cem anos, trinta e seis mil dias.  Os trinta e seis mil dias passam muito rapidamente. Você não pode suportar esse tempo curto? Deus esteve suportando sofrimento por centenas de milhões de anos. Entretanto, por mais miserável que o mundo possa ser, Deus não é influenciado. Embora Ele tenha milhões de
histórias em Seu coração, Ele não demonstra qualquer agitação.

A vida corre depressa. No tempo quando você amadurece e entende como é o mundo, você já está com quarenta ou cinquenta anos, e as próximas dezenas de anos passam em um instante. Então, rapidamente você terá sessenta e setenta anos. A expressão que a vida é um grande sonho de uma bela primavera parece tão real.

Continuar a ler

A Forma de Songhwa

O Significado de “Songhwa

Você conhece o significado da palavra “songhwa”? […] A coisa que Deus precisa é a juventude, os jovens, que tem fogo,
que tem a pureza, a energia e o fogo que pode absorver os próprios sentimentos de Deus. Esse é o motivo pelo qual eu dei o nome “Songhwa” para vocês, jovens.

Song” (realização) significa a conclusão do Ideal de Criação. Em outras palavras, isto significa a conclusão de todo o universo. Originalmente, o tempo para estabelecer o padrão de conclusão é a idade de 17 ou 18 anos, quando os antepassados humanos caíram. Esse é o motivo pelo qual Deus deseja que todas as coisas sejam realizadas centrando em “Songhwa,” a idade dos vinte anos. Aqueles que podem ocupar o lugar de conclusão no futuro são aqueles em sua juventude.

Continuar a ler

Vida Centrada em Deus

Toda religião ensina a não olhar ou ouvir nada precipitadamente. Elas também nos ensinam a não falar ou tratar alguém precipitadamente. Isto significa que olhar, ouvir, falar, sentir e também amar deve ser feito centrado em Deus, e não centrado em mim mesmo.
Todo o nosso falar, olhar, sentir e experimentar emocional devem estar conectados a Deus.
Para quem devemos olhar e ouvir em nossa vida diária? É para o benefício de Deus. Devemos fazer isto para o benefício de Deus. Sentir também deve ser feito para o benefício de Deus. Embora estamos vivendo na terra, devemos estar conectados com a vida no Céu.

Continuar a ler

O Coração de Deus

O Coração de Deus é a fonte de Seu amor, o núcleo de Seu ser. Este coração o impele a viver para o benefício de Seus filhos e a criação. Deus é o rei do amor.  “Deus pode desfrutar Sua vida sem amor?” pergunta o Reverendo Moon. “Não. Entretanto, por mais onisciente e onipotente que Ele possa ser, por Si mesmo, Ele não pode desfrutar felicidade… Você diz que está feliz porque você tem pais, seu esposo ou esposa, seus entes queridos. Você diz para alguém, ‘Eu estou feliz porque eu tenho você
comigo…’ Se isso é verdade com os seres humanos, o mesmo se aplica para Deus.”

Coração de Deus

Mais do que os pais terrenos mais devotos, o Pai Celeste é tão apaixonadamente preocupado com cada um de Seus filhos, que a alegria ou angústia de nenhuma pessoa escapa à Sua observação. “E nenhum deles está esquecido diante de Deus,” temos a
certeza e segurança que cada pessoa “vale mais do que muitos passarinhos” (Lucas 12:6-7). O coração de Deus é totalmente relacional; ele não pode ficar indiferente e distante; ele não pode desfrutar do isolamento.

Continuar a ler